Sou Doador » Blog » O QUE FAZES PELO OUTRO, PERMANECE! – Por Thaís Cardozo

O QUE FAZES PELO OUTRO, PERMANECE! – Por Thaís Cardozo

Olá, eu me chamo Thaís e minha história com a Doação de sangue começou em 2006 quando um amigo solicitou doação de sangue para uma tia que estava internada. Ela faria uma cirurgia e precisava de sangue.

Doei pela primeira vez nesse dia e percebi que deveria ter começado antes. Desde então, faço doação de sangue pelo menos a cada 6 meses, procuro nos últimos anos fazer pelo menos 3 doações anuais, já que o prazo mínimo entre as doações é de 3 meses.

É prazeroso saber que um ato tão simples pode salvar vidas. Leva pouco tempo e a sensação que eu tenho é que estou fazendo bem não somente ao próximo, mas também a mim mesma.

Acredito na disseminação do bem em todas as áreas da vida e acredito também que o bem volta a quem o pratica, mas garanto que não é uma troca do tipo “fazer pra ganhar”. É uma sensação natural.

Estimulo a doação sempre que posso, pois creio na transformação do mundo através de sementes plantadas e de pequenas atitudes que juntas fazem muita diferença no todo.

Uma frase que levo para vida e aplica-se perfeitamente à doação de sangue: “O que fazes por ti, contigo padece. O que fazes pelos outros e pelo mundo, permanece.”

Thaís de Lima Cardozo é economiária, mãe do Gael e doadora de sangue.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *